*

Minha vida,
meus sentimentos,
minha estética,
todas as vibrações
de minha sensibilidade de mulher,
têm, aqui, suas raízes.

Cora Coralina

(Yohana Sanfer)

"Não sei se viro menina, se viro mulher, se viro todas. Se viro santa, se viro doida. Quem sabe viro onça. Viro a mesa, viro o jogo, viro a página. Quem sabe levo a vida do avesso?! Quem sabe eu viro eu mesma. Mas pode ficar tranquilo. Eu me viro."


Participe da enquete a seguir!


Você acredita que os sonhos trazem mensagens para nossas vidas?
Sim, sempre dão certo com minha realidade.
Não, isso é uma bobagem!
As vezes tem alguma coisa a ver mesmo.
Não é apenas coincidência!
Sim, olho o significado de todos!



sexta-feira, 31 de março de 2017

Metade


É difícil falar pela metade, dizer que está feliz pela metade, expressar esta felicidade pela metade. 
Me confundo, me esquivo, talvez não devesse escrever, já que será apenas pela metade.



A felicidade está sendo incomodada pela indiferença que quer usurpar seu lugar em meu ser. 

Com veemência,  furor e gratidão, não me deixarei abater.
Já disseram antes, o que não mata, torna mais forte e certamente não vou morrer.



Eu já sofri já sorri, mais sorri do que sofri, aprendi aproveitar cada dia de minha vida, cada passo desta estrada, sem temor, com amor, sem crueldade. 

Cada espera esperançar e não só esperar, então, se for pra ser feliz, serei, nem que seja só pela metade.



A metade é só uma parte, mas já deixou de ser o nada. 

A metade sendo forte e verdadeira.
Uma metade a outra metade agrada,
E duas metades passam a ser uma inteira.



Metade só por um momento.

Há de ser por pouco tempo,
E  a felicidade inteira,
intensa e verdadeira venha 
completar o que falta em mim.