*

Minha vida,
meus sentimentos,
minha estética,
todas as vibrações
de minha sensibilidade de mulher,
têm, aqui, suas raízes.

Cora Coralina

(Yohana Sanfer)

"Não sei se viro menina, se viro mulher, se viro todas. Se viro santa, se viro doida. Quem sabe viro onça. Viro a mesa, viro o jogo, viro a página. Quem sabe levo a vida do avesso?! Quem sabe eu viro eu mesma. Mas pode ficar tranquilo. Eu me viro."


Participe da enquete a seguir!


Você acredita que os sonhos trazem mensagens para nossas vidas?
Sim, sempre dão certo com minha realidade.
Não, isso é uma bobagem!
As vezes tem alguma coisa a ver mesmo.
Não é apenas coincidência!
Sim, olho o significado de todos!



segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Morrer para viver.


Meu viver por certo não deveria ser viver, 
poderia morrer um pouco para começar viver.

Viver nem sempre é viver, 

as vezes para viver melhor é preciso morrer.
Morrer nem sempre é morrer,
se abnegamos a vida aprendemos viver. 

Quem me dera se de um dia pro outro amanhecer morta 

e então de uma hora pra outra começar a viver.

Livre seria da morte se a vida em mim renascer.

Vivendo genuinamente não recearia morrer.
A morte é só uma mudança, pra quem deseja viver.

Morrer para aprender a viver.

Viver é se deixar morrer.






Postar um comentário